10 coisas que você precisa saber sobre a Astrologia

get_img
(Imagem: Reprodução|Shutterstock)

Se você gosta de Astrologia, não deixe de compartilhar este artigo com aquele seu amigo curioso que quer saber sobre seu signo, mas “não acredita muito nessas coisas”. E… se você não acredita muito nessas coisas, não deixe de ler esse artigo. 😉

1 – O astrólogo é um profissional

A profissão foi reconhecida pelo Ministério do Trabalho como atividade e consta no Código Brasileiro de Ocupações com o código 5167-5. Isso significa que há atribuições, exigências e fiscalização para o exercício da profissão.

2- Esqueça o horóscopo do jornal

Nós temos apenas 12 signos e a população mundial é imensamente maior. É impossível ter os acontecimentos da semana previstos apenas com base nisso. O estudo astrológico é extremamente complexo e vai muito além dos 12 signos que conhecemos.

3- Não diga que não acredita em Astrologia sem saber o que ela é

Muitas pessoas rejeitam a Astrologia por conta do que foi mencionado sobre os horóscopos de revista, mas nunca leram um livro sobre o assunto. Se você é uma delas, reveja seu julgamento. Isaac Newton, cientista dos grandes, praticava a arte e, quando questionado sobre o assunto, dizia “senhor, eu estudei sobre o assunto, você não!”. Rejeitar ou julgar aquilo que se desconhece não é inteligente.

4- Astronomia e Astrologia são coisas distintas

Um astrônomo não tem propriedade para falar sobre Astrologia sem tê-la estudado e vice-versa. Astronomia e Astrologia são coisas distintas, complexas e não andam de mãos dadas há algum tempo. Grande parte dos artigos que li assinados por astrônomos são ricos em conhecimento astronômico, mas são totalmente falhos na exposição do conceito astrológico.

5- Os conceitos astrológicos são únicos, mas a interpretação é feita por um conjunto de conceitos

Todos os dias recebo críticas ácidas de leitores dizendo que a Astrologia não funciona, porque são de determinado signo, mas não se identificam com as postagens. É preciso compreender que um signo não é uma pessoa, mas um conceito. A pessoa de determinado signo reúne em seu mapa um CONJUNTO de conceitos, por isso, é completamente natural que não haja a identificação. Se você busca uma interpretação adequada, recomendo que pague pelo atendimento astrológico ou comece a estudar agorinha mesmo.

6 – Valorize o atendimento astrológico

Se você acha absurdo pagar R$200,00 reais por um atendimento astrológico, tenha em mente o seguinte: livros são caros, cursos são caros e a técnica não é absorvida em apenas um ano ou dois. Todos os profissionais são pagos pelo trabalho que executam. Se é assim para todos, por que deveria ser diferente com um astrólogo?

7 – Prepare-se para estudar a vida toda

Existe a Astrologia Horária, Mundana, Eletiva, Natal, Médica e Mágica. São técnicas que são capazes de responder perguntas, avaliar eventos públicos e mundiais, eleger momentos adequados para determinada finalidade, identificar problemas básicos de saúde e etc. Além disso, também podemos dividir a Astrologia em Ocidental, Chinesa e Védica  – cada uma com sua particularidade! Já imaginou quantos livros existem para cada uma dessas técnicas?

8 – Questione tudo o que lê

Como em todas as profissões, há bons e maus astrólogos. Nem tudo o que lemos por aí corresponde à realidade. Na dúvida, procure outra fonte. O tal do “inferno astral”, por exemplo, está muito longe de existir da forma que espalharam por aí.

9 – Os melhores profissionais não são necessariamente aqueles que estão na televisão, revista ou jornal

Esse é um assunto que chega até mim frequentemente. As pessoas perguntam se tal astrólogo é bom e completam a frase com um “ele vai em tal programa”. Pessoal, muito cuidado com isso. Eu, Mariana, que só tenho 6 anos de estudo astrológico e um longo caminho a percorrer, já fui convidada para falar sobre o assunto em um programa de televisão por conta do trabalho com a Astrologia da Depressão. Um astrólogo que vai à televisão falar sobre determinado assunto pode ser grande conhecedor da técnica, mas também pode ser apenas um mestre em Marketing pessoal ou ter se popularizado por acaso, como foi o meu caso. Se está procurando um bom profissional, recomendo que você peça indicação de pessoas que já passaram pela experiência do atendimento.

10 – Prepare-se para se apaixonar

Conheci pessoas que começaram a estudar a Astrologia buscando auto-conhecimento, com o objetivo de provar que ela não funciona, apenas por hobby ou para encontrar respostas para perguntas. Todas elas se apaixonaram, inclusive aquelas que queriam invalidar a técnica.
A Astrologia pode não ser reconhecida cientificamente e quem a estuda pode ser ridicularizado por isso, mas eu acredito que quem não a conhece é que perde mais. Se você leu esse artigo, mas ainda não sabe muito sobre o tema, fica meu convite: estude Astrologia!  A arte é rica e um prato cheio para quem gosta de História e cultura.

Esse post foi publicado em Pensamentos Astrológicos. Bookmark o link permanente.

17 respostas para 10 coisas que você precisa saber sobre a Astrologia

  1. Donilo_ disse:

    Muito bom! Acho que está na hora de você postar seu mapa astral com as devidas interpretações sobre ele, apenas pra nos mostrar como é a aplicação completa do trabalho (embora eu já saiba como é, mas será divertido!).

  2. Hector K. disse:

    Belo post, e tem sentido mesmo. Sou peixes e nunca fui tão ”bobão” igual falam, mas daí fui ver e meu signo dominante é Aries e Aquario, do primeiro vi pq n sou muito paciente com certas coisas, e do segundo pq n gosto das modinhas e essas coisas q a maioria gosta (n sou do contra, mas tem q me convencer)

  3. Jonas Lazari disse:

    gostei muito, mas não existem pessoas que se tornam populares por acaso…
    acompanho vcs a muito tempo e vc ficou conhecido pelo fato de postar o conhecimento que vc aprendia… 🙂

  4. Henrique Alexandre dos Santos disse:

    Todo conhecimento é válido. É exato dizer que o signo solar descreve apenas o perfil geral do signo e que maiores interpretações dependem de um estudo mais complexo. Sempre li sobre o assunto e acho ótimo pessoas sérias como você incentivarem o ESTUDO.
    Quanto a mim a coisa é “meio bagunçada” pois sou Touro com ascendente em Escorpião e Lua em Libra, ou seja Libra equilibra os antagônicos, não é verdade?
    Parabéns pelo trabalho sério.
    Henriq.A.
    Obs. Sou de 1953 e nasci de 7 meses, é mole?

  5. Suelen disse:

    Adorei o texto. Parabéns pelo trabalho!

  6. Darkchet disse:

    Eu também estudo astrologia há uns dois ou três anos, e acho muito interessante. Como eu não tenho dinheiro para gastar em livros, uso o que está disponível na net, mas tomo cuidado com o que uso, que é principalmente na Wiki de Ocultismo e no Astro.com. Aliás, eu faço meus mapas astrais lá, e já fiz uns cem mapas ou mais de parentes, amigos, conhecidos e personlidades, e a maioria deles combina com a pessoa.

    Com relação às pessoas que querem “desmascarar” a astrologia, o que me deixa mais p da vida é que elas o fazem sem os conhecimentos básicos do assunto. Recentemente assisti o vídeo de um cara que dizia “Derrubando a Astrologia”, e eu fiquei interessado porque talvez ele trouxesse algum argumento novo contra a astrologia, mas ele usou praticamente os mesmos argumentos que Carl Sagan usou em Cosmos, na década de 70.

  7. Sofia disse:

    Muito bom o texto, realmente muito esclarecedor!!! Sempre me interessei por Astrologia, tenho até vontade de estudar e me aprofundar mais no assunto, mas não sei como. Astrólogo depressivo, vc poderia me indicar como eu poderia iniciar esses estudos, só por hobby mesmo? Pq como toda escorpiana e com Mercúrio em Escorpião me interesso muito em desvendar os mistérios e o que há de oculto. Mais uma vez parabéns pelo post!!!

  8. Tati Mello disse:

    Legal Mari, muita gente precisa mesmo ler sua postagem… rs
    No entanto, sobre o ítem 4, apesar de estar certíssima quanto à um profissional não ter muita propriedade para falar do assunto do outro na maioria das vezes, acho radical dizer que Astronomia e Astrologia não andam mais de mãos dadas. São coisas distintas, mas todo o posicionamento que usamos para delinear os mapas, bem como velocidade dos planetas e uma série de fatores, são totalmente pertinentes à Astronomia. Cabe à área da efetiva ciência astrofísica esses elementos que são o ponto inicial do astrólogo, não importando se praticamos a Astrologia Tropical ou Sideral, nem mesmo importando o fato de que na realidade o Sistema Solar é Heliocêntrico.
    Faço formação em ambas as coisas, e cada qual em sua competência, enriquece absolutamente meu estudo da outra. Não acho correto DESCARTAR completamente a Astronomia como se fosse algo que não tem nada a ver. A Astrologia, é uma ciência ‘humana’ apoiada em uma base ‘exata’. Além disso, juntar tudo com a observação do céu de verdade é o melhor… abra um ‘mapa do momento’, em horário que algum dos planetas visíveis esteja no Meio do Céu, e olhe pro céu que lá estará ele! (aprox 5:00 da madruga, Júpiter está bem alto esses dias por exemplo). Em dia de Lua formando quadratura com o Sol, dias após a Lua Nova, perceba que na hora que ele se põe, a Lua Crescente está no Zenit tb. Sem astrônomos não há astrólogos! 😀

    • Eu momento algum descartei a Astronomia, cada coisa tem seu valor. Só quis dizer que são coisas distintas. Acho que se ambas ainda estivessem totalmente atreladas, muito do nosso conceito teria que ser revisto. Isso é uma coisa que os próprios astrônomos apontam.
      E… embora Astronomia e Astrologia possam ser relacionadas, elas seguiram por caminhos diferentes. Se não fosse assim, a Astrologia já teria sido “aceita” há mil anos.

      • O que tu diz faz sentido Astro da Depressão, pois há um tempo atrás lembro que foi descoberto um novo planeta e nisso colocaram no jornal “saiba qual seria seu novo signo de acordo com a astrologia” pelo fato de mais um planeta ter entrado no sistema solar. Depois, fui ver a explicação de um astrólogo de verdade dizendo que isso não iria influenciar na astrologia. Não lembro a explicação dele, mas lembro que fez todo o sentido. Mas essa história é apenas para vermos como as duas não estão TÃO ligadas assim. Mas a sua observação também é interessante Tati Mello.

  9. Antonio Portela disse:

    Comecei a me interessar por astrologia para auto conhecimento.Me apaixonei e hoje uso no meu dia a dia até mesmo distribuindo funcionários ,na minha empresa, em suas vocações.

  10. Hey, adorei o post! Tenho amigos que não acreditam e quando então quando recomendo alguma coisa que diz muito sobre como eles realmente são (livros, artigos e etc), ficam abismados. A Astrologia é incrível e uma das melhores formas para entender a si mesmo e as outras pessoas a sua volta! E como lidar melhor com elas.

  11. eveynusiana disse:

    Me interesso por astrologia desde que aprendi a ler, praticamente, O primeiro livro que pedi pro meu pai comprar era sobre o meu signo, Touro. Como Oscar Quiroga me disse quando o adicionei no facebook, a astrologia é um “bicho” que nos morde e nos conquista, e a partir daí, temos um caminho de aprendizado que dura toda a vida!

  12. wilza disse:

    Há 13 anos quis fazer um curso em Ipanema no Rio. Não fiz. Agora quero fazer de verdade. Vou aguardar seu post sobre os livros, mas gostaria que vc indicasse locais ou mesmo pela web que posso começar a concretizar esse sonho.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s